Portal do Governo | Investe SP | Cidadão SP | Internacional SP

Webmail    |    Intranet

 

Alunos participam do III Congresso da Pós-Graduação do IAC

Por Carla Gomes (MTb 29156) e Ana Cláudia Chagas (estagiária) – Assessoria de imprensa – IAC
 
O Instituto Agronômico (IAC), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realizou, no dia 24 de outubro de 2017, o III Congresso da Pós-Graduação do IAC, no Anfiteatro “Otávio Tisselli Filho”, na sede do IAC, em Campinas. Com a temática “Perspectivas futuras para agricultura”, o evento teve o objetivo de responder questões sobre o futuro das pesquisas realizadas pelo Instituto. A programação envolveu cinco palestras que abordaram propriedade intelectual, empreendedorismo, financiamento da inovação e sustentabilidade. O Congresso é pensado e articulado pelos alunos da Pós-graduação IAC, sem fins lucrativos.
A palestra de abertura foi realizada pelo pesquisador, Antonio Roque Dechen, com o tema “Agricultura sustentável: desafios e perspectivas”, que trouxe um panorama geral e um resgate histórico da agricultura brasileira. Sobre o futuro do setor, Dechen disse que “tudo depende da conservação do solo que faremos. Há necessidade de preservação, há necessidade de manejo adequado”.
Zander Navarro, pesquisador da Embrapa, palestrou sobre a “Evolução da agricultura convencional para agricultura digital”, mostrando a evolução da agricultura no país e a nova fase do desenvolvimento agrário brasileiro, que chamou de “o nascimento de um novo padrão agrário.”.
José Luiz Tejon foi o terceiro palestrante e apresentou os “Desafios do futuro: agronegócio, inovação e superação.” Para ele, “a produção do campo terá o homem como gestor da agrotecnologia”. Segundo o especialista em gestão de vendas, marketing, agronegócio, liderança, motivação e superação, no futuro os desafios serão os mesmos já existentes, porém mais agravados.
“Propriedade intelectual, inovação e patentes” foi o tema da palestra ministrada por Antônio Marcio Buainain. O professor da Unicamp comentou que as demandas da agricultura moderna são maiores do que a capacidade do agricultor em atendê-las.  Ele falou também sobre a necessidade de aperfeiçoar os mecanismos de proteção e como a propriedade intelectual é importante para a agricultura. “A propriedade intelectual é um investimento para buscar o financiamento”, disse. Buainain distribuiu três exemplares do livro “Propriedade Intelectual e Inovações na Agricultura”, de sua autoria.
Antônio Vicente da Silva finalizou as apresentações com “Empreendedorismo e financiamento da inovação”, trazendo definições sobre empreendedorismo e aplicações reais no dia a dia.
Os palestrantes receberam da organização uma cesta com produtos produzidos nos centros do IAC. O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, destacou o pioneirismo do IAC ao oferecer a pós-graduação. “O Instituto Agronômico foi o precursor, dentre os institutos de pesquisa agropecuária de São Paulo, na criação de cursos de pós-graduação; o sucesso deste modelo de ensino incentivou outros institutos da Secretaria a seguirem pelo mesmo caminho. É a valorização do ensino, como incentiva o governador Geraldo Alckmin”.

Sede do Instituto Agronômico
Avenida Barão de Itapura, 1.481
Botafogo
Campinas (SP) Brasil
CEP 13020-902
Fone (19) 2137-0600