Portal do Governo | Investe SP | Cidadão SP | Internacional SP

Webmail    |    Intranet

Centro de Fitossanidade


Ferrugem em soja: cuidados redobrados em períodos chuvosos

Para o manejo da ferrugem, além de itens importantes como:
- Uso de sementes certificadas
- Calagem e adubação, níveis adequados de K
- Escolha da cultivar: precoce, semi precoce e, na disponibilidade, cultivar com resistência genética ao patógeno Phakopsora pachyrhizi
- Época de semeadura: primeiras épocas
- Unidades de alerta
- Monitoramento: clima: umidade, chuvas, presença de ferrugem na unidade de alerta e/ou na região
- Aplicação de fungicidas: preventivo (preferencialmente), nos primeiros sintomas
- Seguir recomendações do fabricante
- Tecnologia de aplicação

 

O monitoramento das lavouras é de fundamental importância, desde a emergência das plântulas, e principalmente na ocorrência de períodos de chuva. A atenção deve ser maior ainda do estádio do pré-florescimento em diante, fase em que a cultura de soja tem apresentado maior ocorrência e severidade da ferrugem.

 

Sintomas de ferrugem em soja:

 

1. Esporulação do fungo Phakopsora pachyrhizi em folha de soja

 

2. Urediniosporos de Phakopsora pachyrhizi

 

3. Desfolha precoce

 

4. Danos em vagens

 





Sede do Instituto Agronômico
Avenida Barão de Itapura, 1.481
Botafogo
Campinas (SP) Brasil
CEP 13020-902
Fone (19) 2137-0600